13 de maio de 2017

Sociedade

Ando na madrugada
Cumprimentando pessoas que não estão lá
Pessoas que não existem
Sigo minha sombra no escuro
E me aproximo de uma multidão,
Fumo os dedos que me apontam na cara;
Um rapaz grita e todos olham para ele
Eu sou mal-educado
Prefiro olhar para os que estão olhando.

- Renato Franco

Nenhum comentário:

Postar um comentário